segunda-feira, 21 de abril de 2014

Falta de manutenção do filtro de ar e seus riscos para o motor

 Aqui no blog Pimenta Motos já falamos da importância de realizar a troca do filtro de ar da sua moto e como isso pode influenciar diretamente no desempenho geral da motocicleta. Se você ainda não leu nosso textos sugiro que leia clicando aqui. No artigo explico que a simples troca do filtro de ar pode ocasionar até mesmo em ganho de potência. Lendo um blog do meu amigo, destinado a Off Road percebi que ele falou do mesmo assunto abordando vários temas então se você quiser um complemento maior acesso o blog deles.


A dica de hoje continua sendo sobre a troca do filtro de ar, mas não o momento certo de substituir a peça, ou quando realizar a devida manutenção ( apesar de que vamos abordar este tema ) , mais sim de como ignorar essas dicas podem prejudicar o motor da sua moto levando uma manutenção mais complexa e mais cara. Em outras palavras deixar de substituir ou de dar a manutenção no filtro de ar pode forçar você a ter que trocar o cilindro da sua moto. Se você não conhece nada sobre o funcionamento de motores, eu vou dar uma pequena explicação antes. O pistão da sua moto é composto de vários anéis, são eles que "raspão" o óleo do cilindro em cada ciclo feito pelo motor ( admissão, compressão, explosão e escape ). O pistão sobe sempre lubrificado pelo óleo e os anéis evitam que fiquem resíduos significativos de óleo, é por isso que durante a combustão a sua moto "não queima óleo".

Os anéis do pistão passam juntos as paredes do cilindro e quando existe algum arranhão normalmente provocado por descaso do piloto que esquece de trocar o óleo ou limpar e lubrificar o filtro de ar o pistão não consegue realizar a limpeza completa deixando resíduos significativos que vão ser queimados. Tudo bem, você deve estar se perguntando o que tudo isso tem haver com o filtro de ar. Você já percebeu como fica o filtro depois de uma trilha? sim, fica imundo, não é preciso explicar que toda aquela poeira e impurezas são aspiradas pelo seu filtro, que limpa o ar utilizado para queima. Bem a combustão ocorre dentro do motor ( meu deus, descobri a pólvora agora ) , acho que você já deve está começando a entender.

Se o filtro não está ali ou se simplesmente você não o encharcou de óleo ou precisa trocá-lo, aquelas impurezas vão direto para dentro do cilindro da sua moto, muitas vezes até pequenos grão de areia , que adivinha? com o tempo ( e não muito tempo ) vão acabar arranhando o seu cilindro e você vai ter que realizar a troca, não so do filtro mais vai ter que comprar o cilindro novo, óleo e pegar a mão de obra do mecânico. Percebe que como uma manutenção simples e barata quando ignorada acaba se tornando algo complexo? As pessoas se esquecem que para haver queimas precisa de existir oxigênio e o filtro existe para garantir que impurezas acabem indo pro seu motor junto com ele. Percebe como tudo isso influência no desempenho da moto? Não é só a gasolina ruim é que faz sua moto engasgar ou ter uma mistura pior, o ar influência diretamente nisso.

quinta-feira, 10 de abril de 2014

Análise: Colete integral ou convencional qual é o melhor?

Muitos trilheiros iniciantes, assim como eu, acabam tendo dúvidas sobre qual seria o melhor equipamento para iniciar suas trilhas, compartilhando minha experiência fiz algumas matérias falando dos equipamentos que eu havia comprado fazendo uma pequena distinção de valor e qualidade entre eles. Recentemente adquiri um colete integral da Alpnistar e resolvi fazer este texto para falar um pouco da experiência que tive com o colete e diferenciá-lo do convencional. Inicialmente é preciso dizer que equipamento de proteção é indispensável independente do seu nível como piloto.


Conforto:
O que grande parte dos usuários procuram e com toda razão é o conforto durante a pilotagem, se você já faz trilhas certamente percebeu que o conforto não está tão presente neste esporte. Claro que uma bota Alpnistar Tech 3 vai oferecer um conforto imensamente maior do que as botas de baixo custo. Mais como estamos falando de colete, ambos são desconfortáveis, mas não podemos dizer que o colete integral seja de fato MUITO desconfortável, isso é uma mentira. A realidade é que o colete integral me pareceu bem mais confortável que o convencional, ainda que sem dúvida um pouco mais quente.

Mobilidade:
A única diferença que senti foi na hora de colocar a camisa por cima do colete, confesso que devido ao protetor de coluna essa foi uma tarefa um pouco mais complicada. Em geral o colete acaba "forçando" o piloto, ou se preferirem lembrando ao piloto de manter uma postura mais correta quando sentado ou mesmo de pé na motocicleta. O equipamento acaba condicionando a sua postura, no final da trilha me senti menos cansado do que habitualmente eu estaria. Além disso, o colete integral é mais justo ao corpo ( evidentemente ) o que passa mais confiança é até mais conforto.

Segurança:
É inegável que os coletes deste gênero passam uma sensação de segurança muito maior, e não é apenas sensação, o material do colete integral é muito melhor do que dos coletes comuns ( principalmente os de baixo custo ) oferecendo uma proteção maior para os ombros, braços e cotovelos. Você ja percebeu a quantidade de pedras e irregularidades pelo terreno? o protetor de coluna do colete integral é completo indo até o final da coluna, uma proteção que nesse esporte eu considero indispensável.

Preço:
Existem vários modelos de coletes, e os mais diversos preços, no caso da Alpnistar você vai encontrar variações de preço, normalmente em torno de R$ 800,00. Porém existem modelos de R$ 500, 600, 427 e até mesmo de R$ 329 reais, no caso dos modelos da ASW que é uma marca bem conceituada. 






Como veredicto final, prefiro o colete integral em todas os quesitos conforto, mobilidade, desempenho, proteção e até mesmo preço. Se você gosta de fato deste esporte e quer investir mais na sua segurança fica minha dica.

Download Grátis - Manual de Serviço Tornado 250


terça-feira, 8 de abril de 2014

Download Grátis. Manual de serviço TTR 230

Os manuais de serviços são importante para que o usuário ou mesmo o mecânico tenha informações precisas sobre como dar a devida manutenção na moto, como eu já havia postado da CRF 230 , segue abaixo o download gratuito do manual da TTR 230.